Off Paper

Pesquisa revela que 96% das redes municipais de educação estão realizando atividades não presenciais com alunas e alunos durante a pandemia

A pesquisa foi realizada com mais de 4,2 mil municípios. Levantamento é uma iniciativa da Undime, com apoio do Itaú Social e UNICEF

Brasília, 9 de setembro de 2020 – Com o objetivo de coletar informações sobre a oferta de atividades não presenciais, a previsão de retorno das aulas e a preparação para a volta no contexto da pandemia da Covid-19, a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), com apoio do Itaú Social e do Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), realizou um levantamento envolvendo 4.272 redes municipais, que representam 77% do total de municípios brasileiros e corresponde a 79% do total de matrículas das redes municipais do país.

“Essa pesquisa confirma parte do que temos acompanhado em outra pesquisa nacional com famílias, que vem sendo feita em ondas desde maio e mostrou a ampliação para 82% dos estudantes do fundamental e médio acessando algum tipo de atividade remota. Ao mesmo tempo, seguem sendo fundamentais estratégias de apoio para os estudantes mais vulneráveis, que ainda não acessaram qualquer atividade, e que estão em risco de abandono escolar mesmo antes da reabertura das escolas”, lembra Patrícia Mota Guedes, gerente de desenvolvimento do Itaú Social.

Para saber mais, acesse: https://www.unicef.org/brazil/comunicados-de-imprensa/pesquisa-revela-que-96-por-cento-das-redes-municipais-de-educacao-estao-realizando-atividades-nao-presenciais

 

Artigos Relacionados

Respostas

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *